Dois milhões de veículos devem deixar a cidade de São Paulo durante o carnaval

Saiba quais os melhores horários para evitar congestionamento nas estradas.

Trânsito na Marginal Pinheiros, em São Paulo  — Foto: Uriel Punk/Futura Press/Estadão Conteúdo

Trânsito na Marginal Pinheiros, em São Paulo — Foto: Uriel Punk/Futura Press/Estadão Conteúdo

Cerca de 2 milhões de veículos deixarão a cidade de São Paulo a partir da manhã desta sexta-feira (21) por conta do carnaval, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

A empresa vai monitorar o trânsito na região dos acessos às principais rodovias do estado e no entorno dos terminais rodoviários do Tietê, da Barra Funda e do Jabaquara.

Nas estradas, as empresas responsáveis pela concessão de cada trecho terão operação especial devido ao fluxo intenso.

Veja os melhores horários para evitar congestionamentos nas principais vias que levam ao litoral e ao interior do estado a partir dessa sexta-feira (21):

Rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto

A expectativa é de que as rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto recebam mais de 1,2 milhão de veículos.

Na manhã desta sexta (21), os motoristas enfrentavam lentidão na rodovia por conta de um acidente entre uma carreta e outros dois veículos.

Segundo a Ecopistas, concessionária que administra a rodovia, o congestionamento vai do quilômetro 48 em Mogi das Cruzes até o quilômetro 40 em Itaquaquecetuba, onde o acidente ocorreu.

Na tentativa de evitar grandes filas e minimizar o impacto dos congestionamentos, a Ecopistas, afirma que as grandes praças de pedágio vão operar em capacidade máxima.

Além disso, nos horários de pico, estará em prática nos trechos de Itaquaquecetuba e Guararema a “Operação Papa-Fila”, na qual funcionários identificados estarão disponíveis fora das cabines para realizar a cobrança antecipada da tarifa do pedágio.

Segundo previsões da concessionária, no sentido do interior a movimentação será mais intensa:

  • Sexta-feira (21), das 15h às 19h
  • Sábado (22), das 9h às 12h.

Já no retorno à capital, o fluxo deve aumentar:

  • Terça-feira (25) , entre as 11h e as 18h.
  • Quarta-feira (26), entre as 13h e as 18h.

Sistema Anchieta-Imigrantes

O fluxo estimado nas rodovias do sistema é de até 550 mil veículos em direção à Baixada Santista, havendo a implantação da Operação Descida entre as 10h de sexta-feira (21) e as 21h do sábado (22), e das 7h às 13h do domingo (23). A Operação Subida ocorrerá a partir das 17h de segunda-feira (24), se repetindo na terça-feira (25) durante o mesmo período e a partir das 9h na quarta-feira (26).

De acordo com a Ecovias, durante a Operação Descida veículos com destino ao litoral podem utilizar as duas pistas da via Anchieta e a pista Sul da rodovia dos Imigrante, deixando a pista Norte da Imigrantes exclusivamente para a subida. Já na Operação Subida, as duas pistas da Imigrantes e a pista Norte da Anchieta ficarão destinadas aos veículos que retornarão à capital, deixando a pista Sul da Anchieta livre para que segue sentido litoral.

Sistema Anhanguera-Bandeirantes

A circulação nas rodovias do sistema deve chegar a 964 mil veículos entre esta sexta-feira (21) e a próxima quarta-feira (26). A CRR AutoBAn, concessionária responsável pelo Sistema Anhanguera-Bandeirantes, diz que o fluxo mais intenso na ida para o feriado deve ocorrer:

  • Sexta-feira (21), das 14h às 20h
  • Sábado (22), das 8h às 15h.

Na volta, a concentração está prevista para::

  • Terça-feira (25), entre 13h e 20h
  • Quarta-feira (26), entre 10h e 18h.

Caminhoneiros devem estar atentos neste feriado, porque entre as 14h e as 22h do domingo (23) e da terça-feira (25), ocorrerá no sistema a Operação Caminhão. Nesse período, os caminhões que estiverem vindo à capital pela Rodovia dos Bandeirantes devem utilizar a Via Anhanguera no trecho entre o km 48 e o km 23.

Sistema Castello-Raposo

O movimento previsto entre esta sexta-feira (21) e quarta-feira (26) é de 779 mil veículos. Para evitar transtornos no fluxo, durante a Operação Carnaval o tráfego de caminhões na Rodovia Castello Branco estará proibido no domingo (23) e na terça-feira (25), no período entre as 14h e a 1h.

A previsão da concessionária que administra o sistema é de que haja uma maior movimentação no sentido interior:

  • Na sexta-feira (21), entre as 13h e as 23h
  • No sábado (22), entre as 10h e as 14h.

Já no sentido capital, a expectativa é de que o fluxo seja maior no retorno do feriado:

  • Terça-feira (25), entre as 13h e 20h
  • Quarta-feira (26), as 12h e as 20h

Alternativas

Para tentar escapar de congestionamentos, a CET sugere que os motoristas utilizem a Rodovia Dom Pedro I e o Rodoanel Governador Mário Covas como rotas alternativas às rodovias Presidente Dutra, Fernão Dias, Ayrton Senna, Régis Bittencourt, Raposo Tavares e Castelo Branco e ao Sistema Anhanguera/Bandeirantes.

Também orienta que os veículos que vierem à capital por meio do Sistema Anchieta/Imigrantes evitem a Marginal Pinheiros e a Avenida dos Bandeirantes e também sigam caminho pelo Rodoanel.

Segundo as empresas de concessão rodoviária, os motoristas devem redobrar os cuidados e a atenção nesta saída de carnaval, por conta das fortes chuvas que têm atingido a Grande São Paulo nas últimas semanas.

“É fundamental reduzir a velocidade e ampliar a distância do veículo que segue à frente. Caso a chuva esteja intensa, o melhor é parar em um posto de serviço e aguardar que a condição climática fique mais favorável”, orienta Alessandro Pereira, coordenador de Tráfego da CCR ViaOeste, companhia responsável pelo Sistema Rodoviário Castello-Raposo.

As empresas ainda reiteram a importância da realização de uma revisão mecânica preventiva, com o intuito de diminuir os casos de pane em veículos, que agravam o congestionamento das vias e são muito comuns nas saídas para feriado. Em 2019, somente no Sistema Anhanguera-Bandeirantes foi registrada uma ocorrência de pane a cada 6 minutos durante o período do carnaval.